Crime ocorreu no Jardim Botânico, em Goiânia, em outubro deste ano. Fábio Soares da Silva, de 35 anos, foi socorrido após ser esfaqueado, mas não resistiu.

Dois adolescentes foram apreendidos suspeitos de matar o funcionário público Fábio Luiz Soares da Silva, de 35 anos, durante um assalto no Jardim Botânico, em Goiânia Segundo a polícia, a dupla agiu com violência, deu várias facadas na vítima e fugiu levando uma bolsa e R$ 40.

O crime ocorreu no último dia 13 de outubro. Segundo a Polícia Civil, o funcionário público caminhava pelo local, em uma área onde normalmente ficam usuários de drogas, quando foi abordado pelos menores, de 16 e 17 anos, que fumavam maconha.

“Ele foi abordado junto com outro homem que também estava no local. Os menores chegaram já agredindo os dois, pegando os pertences. Um deles conseguiu fugir. O Fábio, no entanto, entrou em luta corporal com os assaltantes e acabou sendo esfaqueado por eles”, conta o delegado Francisco Lipari, responsável pelas investigações.

O homem que conseguiu fugir da abordagem retornou ao local minutos depois e já encontrou o funcionário público caído no chão. “Essa outra vítima ligou para o socorro. O Fábio chegou a ser levado para um hospital, mas acabou não resistindo e morreu no mesmo dia”, explicou o delegado.

Após ouvir testemunhas, a polícia conseguiu identificar os menores. Eles eram procurados desde então e foram apreendidos no Setor Pedro Ludovico.

“Eles moram na mesma rua, eram conhecidos e faziam uso de drogas juntos. Quando foram apreendidos, confessaram o ato infracional, mas disseram que tinha sido a primeira vez que faziam aquilo”, contou Lipari.

Os dois seguem apreendidos na Delegacia de Apuração de Atos Infracionais (Depai) e vão responder por ato infracional análogo a latrocínio.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *